<BODY>
28.3.06

Pessoas People

Tem gente que é gente e tem quem seja pessoa people.

Gente você sabe o que é: tem dois braços, duas pernas, simetria bilateral. Alguns tem cabelo na cabeça, outros no queixo.

Pessoas people são MAIS do que isso. Pessoas people tem brilho na voz. Pessoas people sabem escrever sem falhas no português ( ou inglês, ou esperanto...).

Pessoas people falam difícil. Pessoas people não usam roupas amassadas. Pessoas people não ficam com círculos de suor no sovaco. Pessoas people, aliás, não têm sovacos - têm axilas.

Pessoas people fascinam, encantam, e todos amam pessoas people, elogiam as pessoas people, fazem discursos exaltando as pessoas people.

***********

Mas sabe algo o que as pessoas people nao têm?

A liberdade de enfiar a mão na terra e sentir a areia entre os dedos.
A sensação de frescor após tomar um banho refrescante depois de um dia quente.

***********

Pessoas People não existem. Fingem existir, fingem perfeição.

***********

Eu gosto de gente. Gostando do jeito que eu sei gostar.
Devagar, depressa, depende.
Depende do que tem dentro do meu peito.

Intensamente, superficialmente, depende.
Depende do que eu vivo com as gentes.

Posso demorar anos pra gostar, posso gostar em horas.

Talvez eu goste com força durante um dia.
Talvez eu goste fraquinho durante anos.

Mas eu sei de uma coisa: que eu adoro gente.

Adoro ver gente. Falar com gente. (Falar SOBRE gente também que ninguém é de ferro.)

E eu estou tão cheia de amor, que adoro até as gentes que tentam ser pessoas-people.

Pois eu descobri uma coisa: pessoas people são gente que sofre.

E eu não quero, nunca mais, ser pessoa-people. Acabou ontem isso. Acabou quando eu olhei pra mim - e gostei do que vi.


Menina Prodígio se aventurou aqui às 1:23 AM


----------------------

Comments: Postar um comentário

Este é o blog de alguém que tem vinte e um anos, gosta de ler, gosta de que sua vida seja um livro aberto e gosta de gostar. E falta um ano pra receber um canudo.

Todo dia uma aventura nova. Toda semana uma odisséia. De vez em quando uma atualização


Gostos:

*Cheiro de Fanta Morango* *Sabor de hortelã* *Lençol acetinado* *Violão* *Bolero* *Lua cheia* *Teatro* *Bossa Nova* *Clube da Esquina* *Massagem com óleo Johnson's* *Conjectura de Poincaré* *Beijo no pescoço* *Abacaxi geladinho* *Falar sem parar*



Aventuras em grupo


Sotaques, um blog globalizado
O melhor blog da Internet Galáctica

Blogs

Licor de Marula com flocos de milho açucarados
Alma em Punho
Apostos
appothekaryum
\o/Bloggette
Balde de Gelo
Blog de papel
Cala a boca, que eu tô falando!
Catarro
Oh, Bravo Figaro!
Cartas Curtas
O Coyote é Físico teórico! [E tem cara de artista]
Cumequié?
Copy and Paste
Drops da Fal
Não gostou? Vem me pegar!
Mau humor, mentiras e fé patológica
Mad Tea Party
Pensar Enlouquece, pense nisso.
Blog de Gestão
Gravataí Merengue
Caryorker
O biscoito fino e a massa
John Doe - Juventude, sobriedade e poesia
Jesus, me chicoteia!
Louca por blog? É a mãe! A margarida Inventada
Marmota, mais dos mesmos...
Megeras Magérrimas
Não discuto, por Ticcia Antoniette
Nóvoa em folha
Luabella e suas fases
Liberal, Libertário, Libertino
poliCARPE DI EMili
O estupendo Poeta Matemático [Trinomial e o escambau]
Menina Mateira que não posta nunca
Madame Mean

Sites

Cocadaboa
Malvados
Omelete
Embarque


Frase que fez clique

"Brilhar pra sempre,
brilhar como um farol,
brilhar com brilho eterno,
gente é pra brilhar,
que tudo mais vá pro inferno,
este é o meu slogan
e o do sol."
Wladimir Maiakóvski
Fonte: Anvörg


Arquivos


Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

Powered by Blogger